ACESSO RÁPIDO
acessibilidade

Mesmo sem vitória nas urnas, candidatos da Câmara certificam a força de Contagem

7 de outubro, por lorena.carazza

Tradicionalmente, a Câmara de Contagem elenca as eleições para deputados estaduais e federais com os nomes de vereadores que se colocam à disposição dos seus respectivos partidos para concorrer a vagas na Assembleia e na Câmara Federal.

Nestas eleições, não foi diferente: foram seis vereadores candidatos. Carlin Moura, Denilson da Juc, Glória da Aposentadoria, Moara Saboia e Silvinha Dudu se candidataram a deputado(a) estadual e o vereador Daniel Carvalho, a deputado federal.  Embora nenhum tenha sido eleito – porém, Moara é a primeira suplente do PT na ALMG – , os seis candidatos, juntos, somaram mais de 104 mil votos, mostrando a importância e a força de Contagem no cenário político estadual e nacional.

Nesta terça-feira (04/10), a primeira depois do pleito, acontecido no último domingo (02/10), os vereadores repercutiram as votações. Além de exaltarem a coragem, disposição e prestatividade dos vereadores candidatos, os parlamentares falaram da eleição de outros candidatos, que não são vereadores mas foram apoiados por estes e que, nos próximos anos, poderão ajudar a cidade com recursos. 

Zé Antônio do Hospital Santa Helena fez uma congratulação especial à sua colega de partido e vereadora, Moara Saboia. Ressaltando o trabalho e a militância da parlamentar dentro do Partido dos Trabalhadores desde 2004, Zé Antônio disse que sua expressiva votação só surpreende a quem não a conhece. “No PT, todo mundo sabe quem é Moara, que sempre contribuiu com o partido no município, no estado e no País”, ressaltou.

Carlin Moura, por sua vez, agradeceu aos seus eleitores, falou sobre as dificuldades do processo eleitoral e fez um desabafo sobre as injustiças sofridas por alguns dos que saem em busca de votos. “Eu tô na rua todo dia, (…), não faltei um dia sequer nesta Casa [Câmara], não deixei de discutir nenhum projeto nem de receber ninguém desta cidade, (…) qualquer demanda que chegue até a mim, em qualquer lugar, eu vou. Não tem um sábado e domingo que eu fique em casa com minha família, e não só em época de eleição. Mas, quando você bota a cara na rua pra pedir voto, a primeira coisa que o povo fala é ‘apareceu, né, é eleição”.

De acordo com o vereador, essas situações não acontecem por “culpa” das pessoas, mas são resultado de confusões que o processo eleitoral causa, deliberadamente. Como exemplo, o vereador citou as fakenews e o direcionamento das discussões para aspectos menos importantes, que não aqueles que efetivamente influenciam no dia a dia e na vida do cidadão, como a recuperação econômica, os empregos, transporte público etc.

A fala do presidente da Câmara, vereador Alex Chiodi, foi marcada pelo reconhecimento do que ele chama de “atitude republicana” da prefeita Marília Campos, que “participou de forma ativa de todas as campanhas que foi convidada, daqueles que contribuem ou contribuíram com o município de Contagem, ligados ou não a questões partidárias”, disse, ressaltando que o resultado é uma pluralidade de representação que será benéfica para a cidade. 

Sobre os vereadores, Chiodi parabenizou os parlamentares que foram candidatos, não só pelas votações e pela disponibilidade, mas pela condução dos trabalhos legislativos durante toda a campanha. “Recebam desta Casa os parabéns. Em nome da presidência, quero agradecer pela campanha que fizeram, pela votação e dedicação, lembrando que vocês, mesmo em uma campanha difícil e disputada, jamais deixaram de cumprir o papel de legisladores, presentes em todas as plenárias, em todas as votações. Isso mostra não só compromisso com a Casa, mas respeito com os eleitores”, finalizou.

Por fim, os vereadores, em suas manifestações, também parabenizaram os dois ex-vereadores e deputados Professor Irineu (Estadual) e Leo Motta (Federal), que assumiram o mandato em 2020, mas neste pleito não conseguiram se reeleger. Alguns vereadores também comentaram a eleição de candidatos nascidos e/ou moradores de Contagem, como Miguel Ângelo, filho do ex-vereador de Contagem, Durval Ângelo, Newton Junior, filho do ex-prefeito de Contagem, Newton Cardoso, e Ricardo Campos, morador do bairro Santa Helena. 

Em Minas, as eleições para governo estadual se encerraram no domingo, com a vitória e reeleição do governador Romeu Zema, que obteve 56,18% dos votos válidos. No dia 30 de outubro, domingo, será  dia de voltar às urnas para escolher o presidente da República, que assumirá o mandato no próximo dia 1 de janeiro. Lula, candidato do PT, liderou a corrida no primeiro turno, com 48,29% dos votos válidos, contra 43,60% do atual presidente, Jair Bolsonaro.  

É possível acessar o resultado das votações e os números individuais dos candidatos pelo site do TSE.

Veja mais notícias

Câmara promove curso básico sobre Direito do Consumidor

A Câmara Municipal de Contagem oferece, para o público interno e externo, um curso de noções básicas sobre o Direito do Consumidor. Realizada e o...

7 de março, por lorena.carazza

Funec Inconfidentes recebe Aulão Solidário para o Enem

Mesmo com uma boa noção da gramática e da estrutura do texto argumentativo-dissertativo, a aluna Ana Julia da Silva Jorge ficou atenta durante todo...

25 de outubro, por lorena.carazza

Câmara de Contagem recebe Fórum Mineiro de Encerramento de Mandato ...

2020 é o último ano dos mandatos municipais – Executivo e Legislativo – e, por isso, é um ano carregado de particularidades quando o assunto é admi...

18 de junho, por lorena.carazza
Todos os direitos reservados a Câmara Municipal de Contagem