ACESSO RÁPIDO
acessibilidade

Escola do Legislativo inicia ciclo de palestras sobre os riscos do uso do cerol

4 de julho, por Leandro Perché

O vento do mês de junho vem acompanhado de pipas e papagaios. A chegada das férias escolares, em julho, traz mais adeptos para a brincadeira que deixa o céu mais colorido. No entanto, caso a atividade não seja realizada com total responsabilidade, pode se transformar num grande problema.

Pensando nisso, a Escola do Legislativo da Câmara Municipal de Contagem e a Guarda Civil de Contagem iniciaram, nesta quinta-feira (04/07), um ciclo de palestras de conscientização sobre o uso de cerol e linha chilena. A atividade retoma a campanha realizada pela Câmara em 2018, intitulada “Pipa com cerol e linha chilena: corte essa ideia, antes que ela corte outras vidas”.

Cerca de 200 alunos, dos 7º ao 9º ano da Escola Municipal Carlos Drummond de Andrade, no bairro Riacho das Pedras, foram os primeiros a participar das ações de prevenção, em duas rodadas de palestras preparadas pelo chefe de turma da Guarda Civil de Contagem, CHT Assis.

De forma bem descontraída e didática, as leis relacionadas à proibição do uso de linhas cortantes foram apresentadas, bem como as sérias consequências para quem infringe as regras, incluindo multa, apreensão do material, condução à delegacia e responsabilização dos pais ou outros responsáveis.

Com o objetivo de mostrar a realidade do uso das linhas cortantes, imagens de vítimas atingidas pelo cerol e/ou linha chilena complementaram a apresentação, trazendo espanto aos alunos. Animais e aeronaves prejudicadas pelas linhas também foram lembradas.

“Essa campanha de conscientização é muito importante,  tendo em vista que os jovens, muitas vezes, não medem as consequências de seus atos. O uso do cerol é uma coisa muito complicada, pois pode realmente ceifar vidas, não só de motociclistas, mas de pedestres, de animais, pode causar problemas em veículos e aeronaves. Por isso, a Guarda está envolvida nesta campanha com a Câmara Municipal, com o objetivo de mostrar que os jovens podem fazer a diferença nesse sentido”, destacou o palestrante.

Por fim, foi apresentado um vídeo com reportagem sobre ocorrências relacionadas ao uso de linhas cortantes em Contagem e as ações da Câmara e da Guarda Municipal para coibir a prática. E os estudantes puderam esclarecer suas dúvidas sobre o tema.

 “Você não tem duas chances para viver, como nos jogos de vídeo games. Então, vamos agir de forma consciente. Empinar pipas e papagaios exige responsabilidade”, concluiu Assis.

Próximas atividades

Dando sequência à campanha, a Escola do Legislativo e a Guarda Civil de Contagem estarão, no próximo dia 10, na Escola Municipal Isabel Nascimento Mattos, no Petrolândia; e, no dia 12, na Escola Municipal René Chateaubriand Domingues, no Novo Riacho.

 * Por Natália Rosa e Leandro Perché

Veja mais notícias

Funec Inconfidentes recebe Aulão Solidário para o Enem

Mesmo com uma boa noção da gramática e da estrutura do texto argumentativo-dissertativo, a aluna Ana Julia da Silva Jorge ficou atenta durante todo...

25 de outubro, por lorena.carazza

Câmara de Contagem recebe Fórum Mineiro de Encerramento de Mandato ...

2020 é o último ano dos mandatos municipais – Executivo e Legislativo – e, por isso, é um ano carregado de particularidades quando o assunto é admi...

18 de junho, por lorena.carazza
Todos os direitos reservados a Câmara Municipal de Contagem